Resenha: Sun In da Phytoervas (atualizado + vídeo)




Há tempos que eu estou atrás desse famoso spray, e eis que por acaso encontrei e não pensei duas vezes em levar. Para quem nunca ouvi falar, o Sun In, da marca Phytoervas é um spray “clareador e hidratante” que promete um “clareamento rápido dos cabelos”. É vegano e não contém parabenos, derivados de petróleo nem silicones. A embalagem é de 120ml e eu paguei cerca R$13 e alguns centavos. Ele recomenda que seja usado da seguinte forma: “a distribuição deve ser feita nos cabelos úmidos e após a aplicação, aquecê-lo ao sol ou com o secador.” E mais: “A intensidade do clareamento acontece de acordo com cada tonalidade específica e natural dos cabelos.”

selo LIBERADO VEGAN smallQuero clarear o meu cabelo porque ainda não desisti de ficar ruiva. 6 meses atrás (março/2015) eu apliquei henna (da marca Hennatint) em todo o meu cabelo, e é muito difícil dela sair. Clarear o cabelo depois de ter usado henna é muito difícil. E como a minha raiz já cresceu desde lá, fico com receio de usar uma tinta pra clarear tudo e a raiz ficar estranha/diferente do resto. Então decidi clarerar dessa forma, mais suave, para depois hennar novamente! Vou começar clareando apenas a parte de cima, os fios do topo da cabeça. Depois que já estiver bem iluminado (como se eu tivesse feito luzes, ou mechas) eu pretendo passar o spray em todo o cabelo para abrir o tom de tudo.

Segue abaixo o rótulo:

Analisando a composição:

Como eu já falei aqui, eu sigo a rotina No Poo, na qual não se usa sulfatos… Porém, a essa nova versão do Sun In foi adicioado o Sodium Laureth Sulfate :@ , e eu comprei mesmo assim. Comprei porque eu sou uma dessas pessoas que acredita na ordem dos ingredientes nos rótulos ser dada de forma decrescente (os primeiros têm em mais quantidade, os últimos tem pouquinho), e então, pelo sulfato ser o penúltimo ingrediente, não acho que ele vá agredir muito o cabelo. Acho que sua única tarefa nessa composição seja ajudar a abrir as cutículas dos fios para o produto agir melhor (sei lá, isso é só uma leiga suposição).

Se você também manja das composições e seus paranauês, deve ter percebido que o segundo ingrediente é o Hydrogen Peroxide – a famosa água oxigenada. Com ela eu me poderia me preocupar mais, por sua tendência a ressecar o cabelo – mas nada que uma atenção ainda maior às rotinas de hidratações não dêem conta :] E como o meu cabelo está saudável, não preciso me desesperar. A água oxigenada só ajuda os outros componentes a deixar os fios mais claros.

O Cetyl Alcohol (Álcool cetílico) é um componente emoliente (hidratante) , além de ajudar a dar consistência ao produto. O Etidronic Acid (Ácido etidrônico) ajuda a estabilizar a fórmula e sua viscosidade, e auxilia na penetração do produto no fio. Porém, é um componente um pouco perigoso (alguns estudos o consideram tóxico para os olhos), portanto não deve ser mantido na pele ou nos cabelos (por isso a recomendação da embalagem de que se lave os cabelos após o uso do spray).

Gliceryn (glicerina) – só amor! Mais um componente emoliente/hidratante (e vamos dar graças por ter água na composição também!). Entenda mais sobre os benefícios da glicerina aqui.

Triticum aestivum germ extract (extrato de germe de trigo) e  Linum usitatissimum seed extract (extrato de semente de linhaça) são excelentes emolientes. Chenopodium Quinoa extract (extrato de quinoa) é umectante (atrai umidade para o cabelo).

Macadamia ternifolia seed oil (óleo de semente de macadâmia) é super nutritivo, protege contra os efeitos nocivos do calor e também é hidratante. Chamomilla recutita flower extract (extrato de camomila) super conhecido por ajudar a clarear os cabelos.

Avaliação final: achei a composição balanceada. Tem coisas não tão boas, e coisas maravilhosas. Pode ser que resseque o cabelo sim, mas vale a pena pelo clareamento mais natural do que simplesmente ir no salão e usar tinturas (que são bem piores) e água oxigenada mais concentrada.

Como eu estou usando:

Por enquanto, só apliquei três vezes. Desde a primeira aplicação já notei diferença (e amigxs meus também ehehehe). Logo depois de finalizar o cabelo (ou seja, ele ainda está úmido e está com creme), eu já separo as mechas que eu pretendo clarear e jogo pra frente. Aplico o spray por todo o comprimento, deixando 2 dedos da raiz sem o produto. Depois uso o secador com o bico difusor para aquecer bem o cabelo que recebeu o Sun In. Se você preferir, pode ficar sob o Sol, como recomenda a embalagem.

Vou ser honesta: só li a composição hoje para fazer esta resenha pra vocês, e não tinha lido sobre ter que lavar o cabelo depois de usar (hihihihihihi) então eu não fiz isso nessas 3 aplicações. Depois de ter lido sobre o ácido etidrônico, não vou cometer o mesmo erro novamente. Vou fazer assim: antes de lavar o cabelo, vou umedecer as mechas que eu quero clarear, aplicar, secar com o secador, e lavar normalmente. Depois dele ter sido lavado, repetir a aplicação, secar, e lavar novamente. E só então finalizar, bla bla bla.

E você, já usou ou pensou em usar o Sun In?


UPDATE em 29 de maio de 2016

Meses depois, venho atualizar esse post com os resultados do Sun I! Peço mil desculpas pela demora, acabei focando meu tempo para tratar de outros assuntos aqui no blog e deixei esse produto meio de lado. Já estou na 2a embalagem, e ela está beeem no final já!

Pelas fotos dá pra ver a diferença da raiz para o comprimento e pontas! Como eu mencionei, meu objetivo era clarear as mechas do topo da cabeça apenas! E foi o que eu fiz! No vídeo (que eu já gravei, estou editando e deve ir ao ar ainda essa semana) eu explico sobre como eu achei que o Sun In funcionou melhor para o meu cabelo, e mostro a aplicação. Há tempos eu não usava o produto, então é por isso que a raiz está natural e o comprimento não.

Há poucas semanas atrás eu também dei uma aparada no cabelo, e cortei mais justamente a parte da franja, que está mais clara. Então perdi um pouco do cabelo que mais foi clareado progressivamente com o Sun In.

Ah, não acho que meu cabelo ficou danificado! Eu hidrato muito meu cabelo, então não senti se ele ressecou ou danificou meus fios em alguma medida.

As fotos abaixo são já em um 3o day after, por isso a destruição hihihi (exceto a foto com luz artificial que é de outro dia)

 

Veja como era meu cabelo antes:


UPDATE 2 em 21 de junho de 2017

Demorou mas saiu! Peço mil desculpas por essa demora absurda! Tô até envergonhada, gente! Filmei esse vídeo pra vocês há MESES e só agora editei certinho :[ Mas antes tarde do que nunca, não é? CORRE PRA VER!

 

39 Comentários


  1. Quanto tempo você deixava secando com o secador?

    Responder

  2. Oi! Como funciona este spray em cabelos com luzes?

    Responder

    1. Oi Carol! Acredito que ele clareie em graus diferentes nos fios descoloridos, pois os virgens inicialmente são mais “difíceis” de abrir o tom. Acho que vai depender do quão claras são suas luzes em relação ao cabelo natural! Beijocas

      Responder

  3. Oie VC sabe me dizer se tem algum problema quem faz progressiva usar esse produto?

    Responder

    1. Oi Polyanna! Não sei te dizer! Mas imagino que seja uma boa você não utilizar o spray muito próximo da aplicação da progressiva. Esperar uns 10 dias entre um e outro pode ser mais seguro. Mas faça um teste de mecha pra ter certeza, ok? Beijocas!

      Responder

  4. Esse spray só deixa o cabelo ruivo? O meu cabelo é castanho e queria deixar ele um pouco puxado pro mel/loiro escuro, será que se usar um shampoo matizador funciona?

    Responder

    1. Oi Carol! Meu cabelo natural já tendia a ser um pouquiiiinho mais pro acobreado do que dourado ao sol, então com o uso do Sun In ele manteve essa tendência. Mas minhas amigas com cabelo loiro natural, o cabelo puxou pro dourado mesmo! Acho que depende de cabelo pra cabelo… E eu já tinha usado henna e tonalizantes ruivos antes, então pode ser que tenha acentuado a “ruivice” no processo! Um matizador ou tonalizante mel pode depois corrigir, se for o caso! 🙂 Beijocas!

      Responder

  5. Usei esse produto no cabelo do meu filho, que já tinha o cabelo bem claro. ODIEI ficou totalmente ruivo, tipo foguinho, estou desesperada sem saber o que fazer.

    Responder



  6. Gi, você acha esse spray melhor do que o Biondina? Usei esses algumas vezes e não senti nenhuma diferença, como meu cabelo já clareia naturalmente a medida que cresce, eu gostaria de potencializar esse efeito. Esse da phytoervas parece ser mais potente, gostaria da sua opinião. Obrigada!

    Responder

    1. Oi Janiny! Nunca usei o Biondina pq nunca achei pra comprar :/
      Então não sei, só testando e analisando a composição mesmo! Desculpe não poder ajudar.
      Bjsss

      Responder

  7. Oi! Comprei o Sun In hoje e pretendo usar amanhã na praia. Vc sabe se tem algum problema quanto à água salgada? Pretendo chegar lá, umedecer o cabelo, aplicar, ir pro sol e depois tomar banho de mar. Um bjo!

    Responder

    1. Acho que depois da aplicação não deve dar problema não! Mas espera ele secar totalmente antes de mergulhar, pra garantir 😉
      Beijocas!

      Responder

  8. Vc mandou email pra eles pra comprovar se realmente é vegano ou vc viu em algum outro blog? Tbm sou vegana e to querendo muito dar uma clareada no meu cabelo que é muito escuro, mas eu não queria partir pro descolorante comum pois tenho super medo de ressecar demais meu cabelo

    Responder

    1. Tudo da Phytoervas é vegano, já está difundido por vários grupos e blogs isso <3 É só amar mesmo! Testa e depois me conta 😉 Bjss

      Responder

  9. Usei o Sun in dias vezes e tmb não tinha lavado após a aplicação! meu cabelo está totally virgin rs e não notei ressecamento. Aqueci com o secador e já clareou bem… estou gostando e vou continuar usando

    Responder


  10. Estou pensando entre usar sun in e henna ! meu cabelo é castanho escuro e quero que ele suba 1-2 tons. Qual é o que você me recomendaria ?

    Responder

    1. Oi Thaylla! Acredito que pra subir 2 tons tem que usar o Sun In direto, no sol! Dependendo da quantidade de cabelo que vc tiver, talvez precise de mais de uma embalagem até 🙂
      Quanto à Henna, pra que ela não desbote nunca e vc tenha um laranjinho bacana, usa a 100% pura! Algumas, mais fáceis de encontrar em perfumarias e farmácias, vêm misturadas com outras ervas e acabam desbotando e/ou dando outros tons, que não o natural da henna, que é laranja acobreadinho.
      Espero que ajude! Se fizer me conta! Bjs!

      Responder

  11. Você tem feito as aplicações de quanto em quanto tempo?

    Responder

    1. Oi Lary! Há bastante tempo que não faço (desde o carnaval) pois percebi que o efeito dele é muito melhor no sol, e não tenho saído pra lugar nenhum pra pegar sol kkkk se você der uma olhada na tag do produto dá pra acompanhar a evolução das aplicações que eu fiz! bjs!

      Responder

  12. Gi, fez o vídeo? Quando fizer, se puder atualizar aqui o link pra ele. 🙂
    Beijossss

    Responder

    1. Oi querida, ainda não fiz! Pode deixar que assim que fizer, estará em destaque por aqui! bjks

      Responder

  13. Estou meio atrasada aqui mas, soube que existia agora 🙁 Sabe algum site confiavel que venda o Sun in?
    Beijos

    Responder

    1. Oi Camilla! Não sei te indicar nenhum, eu compro o meu em drogaria mesmo (Venancio), que sempre encontro… :*

      Responder

  14. Que coisa! Uso a Biondina, mas a composição do Sun in é bem mais rica! Meu cabelo é fininho e também num tom de castanho médio; as partes do cabelo que usei a Biondina custam um pouco para definir desde então, parece que não tem hidratação que dê jeito! Se não estivesse recebendo tantos elogios, também me diria arrependida ;/

    Lindo cabelo, flor!

    Responder

    1. Poxa! Jura que mudou a definição dos cachos? 🙁 Que chato! Olha que eu tava doida pra testar o Biondina!
      E obrigada *-* Quem sabe o Sun In não funciona melhor pra vc, né? Beijocas!

      Responder

      1. Olha, no biondina, a água oxigenada é o sexto componente, mas é ela e mais nada de interessante na fórmula. Achei a do Sun In mais considerada. E sim, mudou a definição :/ a “franja” está muito “farofenta”, custo a definir ela. Acho que no seu caso é melhor ficar no Sun In mesmo!

        Responder

        1. Hummm entendi! Aí não tem jeito mesmo! O Sun In achei bem hidratante, mas tenho reparado que o efeito está “saindo”, o cabelo está escurecendo. Faz umas semanas que não uso, e tá voltando (muito pouco, mas está) :*

          Responder



  15. Oi Gi! Vim correndo aqui ler seu post, haha. Que bom que você já está notando efeito. Eu usei uma vez só dessa maneira, com o secador, e já notei um leve efeito. Agora quero usar no sol, porque ouvi várias meninas dizerem que o efeito é bem melhor. hehe.
    Quero muito ver seu vídeo após 15 aplicações.
    Bjos

    http://gabivasconcellos.com.br/

    Responder

    1. Olá! Eu to apaixonada por esse spray! Tô esperando fazer sol aqui no Rio, porque há mais de uma semana tá um tempo horrível de feio hahaha! Pode deixar que o vídeo vai ao ar o mais rápido possível 😉 Beijocas

      Responder

Comente sobre esse post!