Manual dos Cachos: O Melhor Co-Wash

capa manual co wash 02Vamos conversar sobre como lavar o cabelo com condicionador da maneira mais prática e eficiente? Para quem não sabe, a técnica conhecida como co-wash (que vem do inglês conditioner washing) nada mais é, como o próprio nome sugere, lavar o cabelo com condicionador, como eu disse antes. Quem é adept@ ao No Poo (e do Low Poo também, às vezes) conhece bem  a técnica. Mas dúvidas sempre surgirão, e ao longo desses meus 6+ meses de No Poo, vim descobrindo a melhor maneira de lavar o cabelo com condicionador, e de quebra ainda reduzir o tempo gasto no banho e desembaraçando as madeixas.

Se você não sabe  o que é No/Low Poo, leia este post antes! 

Escolha o condicionador correto

O condicionador ideal para co-wash não deve conter em sua composição nenhum tipo de silicone! É ideal também que ele não seja muito oleoso, justamente porque queremos retirar o excesso de oleosidade do nosso cabelo. Então fique sempre de olho na composição antes de comprar (não preciso nem dizer que não pode conter petrolatos né?)

Deixe-o te ajudar a desembaraçar

Como o meu cabelo, além de ser muito, é comprido, ele embaraça muito. Eu antes de qualquer coisa molho o cabelo, desligo o chuveiro (o planeta e o seu bolso agradecem) e passo uma quantidade generosa do condicionador pelo comprimento, deixo 1 ou  2min agindo e começo a desembaraçar (começando pelas pontas, sempre!)

A massagem é tudo

Depois de desembaraçado, enxáguo o cabelo e começo a aplicar o condicionador no couro cabeludo (e desligo o chuveiro novamente). O que faz o condicionador limpar é o atrito, basicamente. Então você deve caprichar na massagem, fazendo movimentos lineares (movimentos circulares podem embaraçar seu cabelo, o que não queremos). Comece pela frente da cabeça, depois pelas laterais, nuca, e finalmente topo da cabeça.

Trabalhe por partes

Como eu disse, eu tenho muito cabelo, então assim que eu termino de desembaraçar divido meu cabelo em 2 ou até em 4 partes e vou massageando e limpando bem uma a uma. Assim você tem certeza de que todo seu couro cabeludo foi limpo! Depois que tiver acabado, dê uma massagem geral bem caprichada pra estimular ainda mais o couro cabeludo.

Saiba a ordem das coisas

A ordem dos tratamentos é super importante para que a gente aproveite ao máximo o benefício das etapas. Você também não precisa fazer todas elas de uma vez, mas a base é sempre fazer a limpeza, a selagem e depois a finalização. As outras (as que eu coloquei entre parênteses e em cinza) você faz de acordo com a sua necessidade/vontade, quando e como quiser.

A ordem ideal é a seguinte:

  1. (umectação) 
  2. co-wash 
  3. (hidratação, nutrição ou reconstrução) 
  4. selagem
  5. finalização

Benefícios

Fica a observação de que talvez você não ganhe todos esses benefícios ao fazer co-wash, afinal “cada cabeça, uma sentença“, mas é bom saber o que esperar, e o mais importante, por quê. Cabe a você testar e ver se o co-wash serve pra você, já que não há contra-indicações! Eu poderia fazer uma exposição de motivos gigante pra você começar amanhã mesmo, mas vai uma não tão grande mesmo… hihihi:

Redução do ressecamento dos fios

Ao abolir o uso de xampus com sulfato, você preserva a hidratação e a oleosidade natural dos seus fios e evita de levantar excessivamente as suas cutículas, o que contribui para o ressecamento. O condicionador irá ajudar a hidratar seu cabelo, o que é fantástico em especial para quem é don@ de uma cabeleira cacheada/crespa (que tende a perder hidratação facilmente e a não receber a oleosidade naturalmente produzida pelo couro cabeludo)

Redução da oleosidade no couro cabeludo

Quando se usa um xampu com sulfato, todos os óleos que seu corpo produziu para manter seu cabelo saudável são arrancados fora. E então, ao sentir que, depois de ter produzido-os, os óleos não estão fazendo “efeito”, o corpo tende a reagir produzindo mais óleos que o normal, o que pode gerar problemas de raiz demasiadamente oleosa (esse é o chamado efeito rebote!). Se você deixa seus óleos naturais queridos no lugar (o que o co-wash faz, e muito bem), com o tempo seu corpo se regula e volta a produzir a quantidade ideal para seus fios 😉

O meio ambiente e a sua saúde agradecem

O sulfato de sódio é um detergente muito forte, que mesmo estando em concentrações reguladas pela ANVISA nos cosméticos, podem desencadear reações alérgicas. É uma substância tensoativa, ou surfactante, que produz espuma e remove oleosidade das superfícies (no caso cabelo, pele etc).

“Segundo estudo, o lauril sulfato de sódio é capaz de modificar o funcionamento de proteínas e passar pelas membranas enzimáticas, provocando efeitos tóxicos em animais e também em humanos.” (+) “Os surfactantes são os principais constituintes de formulações de produtos de limpeza e higiene pessoal. Devido a esta extensa aplicação, diariamente são liberadas no ambiente consideráveis quantidades de surfactante, causando sérios problemas de poluição. Esses surfactantes são os causadores da espuma nos rios, afetam as propriedades físico-químicas e biológicas dos solos, e podem permanecer no meio ambiente durante um longo período.” (+)

Caso você se interesse mais sobre os impactos do lançamento excessivo de surfactantes na natureza, leia isso aqui também!

Mas o condicionador limpa mesmo?

Sim! E foi testado por uma cientista americana nesse artigo aqui (em inglês). Em resumo, o que ela fez foi comparar três amostras do próprio cabelo. A primeira oleosa e suja, a segunda depois de ter feito co-wash e a terceira tendo usado xampu tradicional para lavar. (clique na imagem para ampliar)

experimento co-wash copy

Podemos vez que o resultado da limpeza com o condicionador foi, pelo menos na minha humilde opinião, bem satisfatório, especialmente sabendo dos danos que o uso de xampus com sulfato podem trazer (leia  um pouco mais sobre isso aqui), especialmente para o couro cabeludo (que não foi avaliado no experimento) e para os fios crespos e cacheados. Também há a ressalva de que não sabemos exatamente qual os produtos usados por ela, se o condicionador foi adequado etc. A parte isso, continuo achando muito mais interessante (e vantajoso!) fazer co-wash.

Condicionadores para co-wash

1. Yamasterol Babosa e D Pantenol (amarelo), Yamasterol de Queratina (rosa), Yamasterol CoWash! (também rosa, mas vem escrito ‘co wash e a embalagem é estampadinha), Yamasterol Argan (dourado) – (possuem parabenos, exceto o CoWash!)

2. Stop Quenda Garnier Fructis – (possui parabenos)

3. Kanechom Kids – condicionador e creme de massagem – (sem parabenos)

4. Lory’s – todos os condicionadores das linhas Kids e Baby – (sem parabenos)

5. Griffus – Linha Intense (todos liberados, exceto o Branco Brilho Gloss) – (sem parabenos)

6. Surya –  Amla, Guaraná e Melão; Laranja e Andiroba; Morango e Buriti; Maracujá e Copaíba; Canela e Cupuaçu – (sem parabenos)

7. Payot Botânico – Camomila e Girassol; Alecrim e Abacate (sem parabenos)

8. Tok Bothânico – Ceramidas; Óleo de Argan; Pera; Babosa; Broto de Bambu; Jaborandi; – (possuem parabenos)

9. Yamá Bálsamo Mamaína  (possui parabenos)

10. Inoar – Condicionador Divine Curls! (sem parabenos)

11. Novex Meus Cachos Condicionador No Poo (sem parabenos)

12. Salon Line Creme Multifuncional Multy (possui parabenos)

Espero ter esclarecido todas as suas dúvidas sobre co-wash! Caso não, não hesite e deixe nos comentários a sua pergunta que farei o possível para te ajudar!

Fontes de pesquisa: + +

 

 

26 Comentários


  1. Gostei dessa postagem pois os condicionadores citados Tok bothanico são bem baratinho vou fazer esse cowache com ele após a umectação abraços

    Responder

  2. Oi Gi, a linha citada Lorys Kids (nº 4), além de ser um ótimo co-wash, também é livre de parabenos, sem corantes, não testado em animais, tem pH neutro e é dermatologicamente testado.
    Adoramos o post! Obrigada pela citação <3

    SAC 0800 13 22 77
    http://www.sther.com.br

    Responder

  3. Oi! Seu post me ajudou muito! Mas tenho uma dúvida. Quando você fala que depois do co-wash deve ser feita a selagem, devemos então usar outro condicionador após a lavagem com o co-wash?

    Responder

    1. Oi Michele, fico feliz que tenha ajudado!
      Vc pode usar outro condicionador ou algo mais natural pra condicionar, como vinagre de maçã diluído em água ;] Mas é opcional!
      Bjsss

      Responder

  4. Oi flor, muito esclarecedor o seu post bem como outros que tenho lido no seu blog. Parabéns pela inciativa!
    Eu estou começando a pesquisar e ler sobre no/low poo agora e pretendo começar em breve, porém fiquei com uma dúvida, você disse que para fazer o co-wash não pode usar substâncias como silicones insolúveis, correto!? Então para alguém que segue o Low poo, no qual alguns silicones insolúveis são liberados – deve proceder de que forma? Evitar esses produtos antes ou depois de fazer o Co-Wash ou usá-los normalmente. Desde já obrigada! Bjns

    Responder

    1. Olá! Que bom que está gostando, Luziana, fico muito feliz em ajudar! Quem segue Low Poo é interessante intercalar o uso de xampu sem sulfato e co-wash, não tem problema permanecer com os silicones insolúveis por algumas lavagens ;D

      Responder

      1. O ideal é que não se use os condicionadores com silicone no couro cabeludo. Por isso nem sempre os que são liberados para Low Poo são liberados para co-wash

        Responder

  5. Assim como uma pessoa que segue o co-wash não pode usar substâncias como silicones insolúveis pois ao longo do tempo acabaria fazendo mal ao cabelo, não acontece o mesmo com os parabenos? Por que alguns produtos que se dizem liberados possuem parabenos?

    Responder

    1. Oi flor! Parabenos são conservantes, apenas. Não são considerados proibidos, são substâncias polêmicas que podem ser carcinogênicas… E não causam acúmulo nos fios! Bjos!

      Responder

Comente sobre esse post!